Portugal Campeão do Mundo de Columbofilia 2018

Amílcar Caseiro Sousa venceu o melhor Pombo Distrital Zona Norte Bloco a na Especialidade de Meio Fundo – Leiria

Bom dia senhores columbofilos. Conhecem uma localidade chamada Janardo? Fica ali pertinho de Meirinhas e de Leiria, viajamos até lá para conhecermos uma pomba de corrida que num ano venceu a Velocidade distrital na sua Zona e no ano seguinte venceu o Meio Fundo no Bloco. Esta campeã é de Amílcar Caseiro um senhor columbofilo que nos transmite uma calma e uma satisfação conviver com ele, daqueles elementos que as coletividades gostam. Um homem pacato que vive a sua columbofilia de forma tranquila.

Apresentamos de seguida uma pomba de corrida. O seu pai é o velhinho de 2005 e a sua mãe uma filha do casal Piet Valk X Espanhola

Campeã distrital Meio Fundo Zona Norte Bloco A e no ano anterior venceu a velocidade… dois anos seguidos de grande nível

Classificação Pombo ÁS Meio Fundo Distrital Bloco A

8032017/18 POR48557Amilcar M Caseiro S SousaClube Columbofilo Meirinhas170.3607
0404019/20 POR38444Joao Marques FernandesGrupo Columbofilo Pombal182.9022
0403365/20 POR60358JacintosClube Columbofilo Meirinhas190.3352
0404070/20 POR38444Joao Marques FernandesGrupo Columbofilo Pombal209.2103
8033332/18 POR60358JacintosClube Columbofilo Meirinhas210.1795

Amílcar Caseiro é columbofilo desde 2003, tudo começou bem lá atrás. Sempre teve queda para os pombos, desde os seus 12 anos de idade que armava aos ratos e certo dia a ratoeira apanhou um pombo, que foi recuperado e com a oferta de uma fêmea, ficou o “caldo” entornado… estes pombos andavam à vontade no pátio e foram fazendo criação. Mas a vida de criança não permite ter pombos de competição e abandonou a ideia de continuar. Quando o crescimento permitiu ter algum conforto financeiro a ideia começou a proliferar, em 2002 o bichinho voltou à baila.

Um macho de 2005, pai da campeã, um excelente pombo, um bom voador e um excelente reprodutor, que por sua vez é filho de um outro macho que chegou a esta casa já com 20 anos, e veio do pombal de Victor Silva e que foi acasalado a uma pomba de Sérgio Fernandes, outro ex columbofilo e dai nasceu então o grande reprodutor de 2005

No ano de 2002 quando resolve dedicar se à columbofilia a ideia parte de um amigo dos Barreiros que lhe deu alguns pombos sem anilha, o Amílcar começou a fazer cruzamentos e os seus primeiros pombos surgem dai.

Como é óbvio os primeiros anos são sempre difíceis, para além da dificuldade em encontrar pombos com qualidade elevada, ainda estamos a ombros com a dificuldade em conduzir a colónia cometendo o menor numero de erros possíveis. Mas o caminho faz se caminhando e experimentado, crescendo com os erros cometidos.

A mãe da campeã é filha de uma pomba Espanhola, comprada no final do Derby do Cartaxo, Tinha siso a 13º Pombo ÁS e veio na prova final em 43ª, foi acasalado a um macho comprado por Amilcar Caseiro na Holanda a Piet Valk.

Atualmente as suas bases e onde assenta todo o trabalho é: uma fêmea que em 2019 venceu o Fundo no distrito Geral e chegou a estar em segundo nacional, uma pomba que vem de uma geração de pombos resultado de um macho de António Inês cruzado a uma fêmea adquirida no leilão da Marinha Grande, esta reprodutora já é mãe de excelentes pombos e tem sido uma das bases.

O casal Piet Valk X Espanhola outro casal que faz a base, tem no seu historial inúmeros pombos de categoria, inclusive vários anilhas de ouro, nomeadamente em 2016 uma super campeã que venceu também ela o Meio Fundo no distrito e classificou nesse ano em 11 concursos dos 12 que fez. Outra irmã e filha do mesmo casal, que está também ela na reprodução, venceu a anilha de ouro no distrito em velocidade com primeiros distritais… esta tem dado muitos e bons pombos de corrida.

O melhor ano foi 2019, no qual se sagrou campeão geral nas Meirinhas, nesse ano, foi vice campeão distrital de velocidade a 2 pontos do campeão. Mas à parte deste ano todos os outros anos ou faz pódio ou esta na disputa… em termos de melhores pombos já venceu inúmeras vezes anilhas de ouro ao nível da coletividade e do seu distrito. Já tem no seu palmarés vários primeiros distritais.

Uma manhã muito boa, na companhia de um amigo, um amante da columbofilia, que infelizmente tem pouco tempo para cuidar dos seus pombos, pelo menos até se reformar e já não est longe. Por agora os sexos estão juntos durante as semanas da competição e no regresso encontram os ninhos abertos, voam uma vez diariamente e são alimentados duas, não há grande vagar para treinos em linha. Encontramos uma equipa de pombos que está a respirar saúde, parecem estar preparados para mais uma campanha. Desejamos muita sorte para este futuro próximo e que a campanha seja ao mais alto nível Um bem haja e até breve…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers gostam disto: