Portugal Campeão do Mundo de Columbofilia 2018

Lightning Pigeon Team – ACD Leiria

Bom dia caros columbofilos e leitores do Columbofilia Online. Sabemos que Roma e Pavia não se fizeram num dia… mas também sabemos que existem obras e caminhos que devido a muito empenho e dedicação demoram menos do que o espectável… é assim a historia que trazemos hoje… em poucos anos a equipa que visitamos em Leiria Lightning Pigeon Team, que outrora chegou a chamar se Valentim & Valentim passaram do anonimato para a ribalta, com uma equipa competitiva de excelente nível, um cuidado meticuloso com a imagem e uma profissionalização de procedimentos e apresentação ao mundo columbofilo… por tudo isto e muito mais… fique connosco nesta leitura e conheça os columbofilos e os pombos que têm feito a diferença.

A equipa Lightning Pigeon Team foi formada em Julho de 2020, a partir da extinta equipa “Valentim & Valentim”.

Mudança de paradigma columbófilo….Em Julho de 2020, constituímos a equipa Lightning Pigeon Team, a partir da equipa “Valentim & Valentim”. Esta mudança ocorre com uma oportunidade criada para reestruturar a “nossa columbofilia” nos pontos de vista administrativo, económico e desportivo. 

Ao contrario do que e habitual, começamos pelos agradecimentos, uma vez que este caminho vertiginoso até ao topo da columbofilia de Leiria não foi levado a cabo sem a ajuda dos amigos e por isso aqui estão eles:

Luís Catarino – ajudou-nos a compreender que o pombo é um atleta e deve ser tratado como tal;

Rui e Paulo Rodrigues – pelos excelentes pombos ofertados e pelas muitas horas de conversa sobre columbofilia (criação e competição);

Joaquim Matias – pelas conversa e amizade constantes;

Rui Ferreira – pelo comum espírito de sacrifício;

Pedro Santos – pela amizade recente, mas com sabor a uma vida inteira;

Eduardo Custódio – pela amizade recente, mas verdadeira!

Esta equipa no que toca à competição, tanto aposta nos machos como nas fêmeas e para esse jogo existem 2 secções por sexo. Os borrachos concorrem junto dos adultos. Na parte reservada aos machos, normalmente onde no dia de hoje pudemos ver 15 ninhos nos quais os casais estavam a criar, na altura da campanha são divididos ao meio, ficam 30 pequenos poleiros em Xadrês em cada uma das duas secções e em cada uma delas leva cerca de 35 machos, para haver uma defesa do território e disputa do mesmo. No dia da nossa visita ainda pudemos observar os casais com as crias de final de campanha… desta postura guardam sempre 1 borracho de cada ninho e o outro é cedido. Em um destes pombais com ninhos procuram colocar os atletas mais vocacionados para Fundo e no outro colocam aqueles que melhor se adaptam à velocidade e meio Fundo.

A grande maioria dos competidores têm origem em 4 grandes casais: Casal Fantástico, Casal Maravilha, Casal Platina e Casal Segredo, depois a primeira geração destes casais são acasalados entre si, sendo que o cruzamento que mais observamos foi Casal Platina X Casal Fantástico e também: Casal Maravilha X Casal Platina… actualmente jogam muito em consanguinidade, nomeadamente irmãos com irmãos.

Identificam se muito mais como columbicultores do que como columbofilos

Vamos um pouco atrás na historia recente da columbofilia desta casa. Até 2017 a base da colónia eram dois pombos de 2002 oferecidos por Rui & Paulo Rodrigues, a fêmea era 100% Van Loon e o macho 75% Van Loon e 25 % Grondelaers, dois borrachos de tenra idade que seguiram para este pombal com o intuito de fazerem a campanha e concursarem, mas em boa hora foram directos à reprodução, uma vez que reproduziram dai em diante pombos de grande qualidade. A colónia melhorou substancialmente quando começaram a voar com filhos deste casal, mas o grande salto aconteceu quando os filhos do casal começaram a reproduzir, portanto os netos do casal base esses eram super pombos a voar.

Em 1999 adquiriram um casal ao Inacio CIC, a fêmea era Janssen e o macho Putterie, deram excelentes voadores, inclusive reproduziram um macho com vários primeiros distritais, mas os filhos destes como reprodutores ainda foram melhores. Com esta premissa resolvem cruzar as duas linhas entre si, os descendentes do casal Supra (casal Ouro) com o Casal CIC (casal Ouro) e daqui com vários irmãos fizeram vários casais iguais, nascem então os primeiros casais base.O sucesso começou a ficar consolidado.

Entretanto este pombos foram ficando velhos e o que foi feito?… agarraram numa filha genuína do Casal supra, ou casal de Ouro como também lhe chamam, que foi acasalada com um neto do casal CIC, explicando: um filho do casal CIC, o “222” foi acasalado com uma pomba de Luís Catarino e nasceu o neto do Casal CIC, que foi acasalado com a tal filha do casal Supra e daqui nasce o Casal fantástico e para assegurar bem esta linhagem fizeram o casal fantástico 1,2 e 3 como? cruzando 3 filhos do casal Supra com 3 netos do casal CIC.

Mais recentemente fizeram algumas aquisições, que correram muito bem…. daqui nasce o Casal Maravilha, a sua historia é esta: O Tó Pereira concorrente na sociedade Campos de Liz, um bom amigo, com quem mantêm uma ligação próxima, convidou-os, no ano de 2013, para irem lá a casa fazer uns casais de reprodutores, mas atrasaram-se e quando la chegaram os casais estavam feitos, estava tudo orientado, mas quando olham para as voliéres reparam que ainda havia mais pombos por acasalar do que aqueles que estavam acasalados, olhando para la observam um grande macho que lhes chamou a atenção… resolvem pedir emprestado um casal onde estaria esse macho e a condição era levar os pombos e tirar para os dois pombais… assim foi, apanharam o macho que lhe tinha chamado a atenção e foram à voliere das fêmeas e apanharam uma negra… depois de verem os pedigres apercebem-se que o macho era um neto do Euro do Eijerkamp, e a fêmea era a melhor fundista do ano anterior do Galrão, uma Vanderest… deste casal ficaram com 3 pombas, duas delas no pombal do nosso entrevistado, uma conseguiu 5 primeiros 3 deles distritais, 3 x representante do distrito em fêmeas olímpicas, ficando as 3 x nos primeiros 15 nacionais e a outra irmã , foi 6º Pomba nacional Absoluto em 2016… o casal foi devolvido… e voltou a a este pombal em 2014, sendo um macho muito nervoso… tentaram mudar sempre os ovos para amas e nesse ano tiraram 5 filhos. Dos 3 que ficaram em casa, um era macho o “177” ficou na reprodução, a irmã a “176” foi voar e foi anilha de ouro da colectividade e a terceira, a “825” foi metida na 2ª edição do IAPC e ai foi uma craque, foi imediatamente comprada pelo ofertante no final da competição. Quando esta pomba regressou a casa foi acasalada com o “177” seu irmão e tirou consanguineos, tiraram 3 posturas, foram oferecidos alguns destes e foi guardado um macho, esse macho é o macho do Casal maravilha e a fêmea Maravilha vem do casal de Ardosias de João Cabrita, este casal é 25% Romarios Manuel Martins, 25% Romarios Smoulders via Luis Catarino e 50% Romarios Smaoulders via Joaquim Matias. O casal nunca mais foi desfeito. Entretanto foram feito mais casais Maravilha.

PALMARÉS DE 2021

Sociedade Columbófila Campos do Lis

– Campeão dos Campeonatos Geral, Velocidade, Meio-Fundo, Fundo e Yearlings.

– Campeão dos Campeonatos de Designados Velocidade, Meio-Fundo e Fundo.

– Vencedor da Taça de Clube.

– Pombos vencedores de anilhas de ouro em Geral, Velocidade, Fundo e Yearlings.

– Pombos vencedores de anilhas de prata em Geral, Velocidade, Meio-fundo, Fundo e Yearlings. – Pombos vencedores de anilhas de bronze em Geral, Meio-fundo e Yearlings

Campeonato Geral 2021

140447LIGHTNING PIGEON TEAM3850
240486OS ROSAS3222
31994DIAMANTINO LOPES CARREIRA3205
412473ALBINO MANUEL CRUZ SANTOS2932
52004ABILIO VIEIRA MARQUES2353

Sociedade Columbófila de Leiria

– Campeão dos Campeonatos Geral, Velocidade, Meio-Fundo, Fundo e Yearlings.

– Pombos vencedores de anilhas de ouro em Meio-fundo, Fundo e Yearlings.

– Pombos vencedores de anilhas de prata em Geral, Velocidade, Meio-fundo e Yearlings.

– Pombos vencedores de anilhas de bronze em Geral, Velocidade, Meio-fundo, Fundo e Yearlings.

Campeonato Geral 2021

40447LIGHTNING PIGEON TEAM3012
226640CESARIO JORGE GASPAR FERREIRA2907
328072TONY DOMINGUES ALVES2161
452963EDUARDO JOSE OLIVEIRA CORDEIRO1960
556918JORGE MIGUEL COSTA FONSECA1840

A avó dos casais maravilha a tal “825” é a mãe do casal Platina, e por isso é que o cruzamento Platina X Maravilha cruza muito bem… a “825” quando é cruzada com um macho de 2016 que é um pombo 100 Eijerkamp, resultante de um cruzamento entre a linha do Bartoli com Silver shadow, comprado no CIC… entretanto já foram adquiridas mais duas irmãs dele, uma na Alemanha e outra em Espanha para assegurar a linhagem e fazerem mais casais Platina

O casal segredo fica no segredo dos Deuses…

Nos últimos anos foram feitas algumas aquisições que ainda estão a ser testados, nomeadamente Marcel Aelbrecht linha “Bak 17”, Supra linha “050″ e Martin Stefll

Esta equipa tira anualmente 12 filhos de cada casal principal, e dois ou 3 depois dos casais secundários…voam com cerca de 100 borrachos por ano que se juntam aos adultos.

Iniciaram a columbofilia no ano de 1989 com borrachos de 1988, o pai tinha pombos desde sempre, mas sem concorrer… o filho puxou o pai e os dois puxados pelo Capitão Catarino, resolvem entrar na aventura da pratica da columbofilia. Conhecem no mesmo ano Rui & Paulo Rodrigues que tem sido um apoio notável e dai para cá apenas interromperam uma campanha, que foi em 2001. No recomeço a ambição era diferente e começaram a competir para ganhar e não apenas para participar. A selecção começou a ser mais rigorosa, o maneio da colónia começou a ser bem mais meticuloso. Ao fim ao cabo tudo mudou, até a construção de novo pombal foi levada a cabo para tudo ficar mais funcional.

Começaram a concorrer em Leiria e devido à amizade e proximidade começaram a fazer doublagem na Campo de Liz, depois chegaram em alguns anos a fazer equipas diferentes, uma para cada colectividade e a dada altura decidem ir concorrer para a Campo de Liz porque era mais competitivo, saíram de Leiria… até que este clube precisou deles, porque estava em risco de fechar por falta de columbofilos, voltaram… presentemente concorrem nas duas.

Associação Columbófila do Distrito de Leiria (ACD Leiria) 2021

– Vice-Campeão de Velocidade da Zona Norte da ACD Leiria

– Campeão de Velocidade do Bloco B da ACD Leiria

– 3º Classificado de Meio-fundo da Zona Norte da ACD Leiria

– 4º Classificado de Meio-fundo Bloco B da ACD Leiria

– 14º Classificado de Fundo Distrital da ACD Leiria

– 9º Classificado de Fundo da Zona Norte da ACD Leiria

– 3º Classificado de Fundo Bloco B da ACD Leiria

– Campeão de Velocidade Raúl Oliveira da Zona Norte da ACD Leiria

– Campeão de Velocidade Raúl Oliveira do Bloco B da ACD Leiria

– Campeão de Meio-fundo Raúl Oliveira da Zona Norte da ACD Leiria

– Campeão de Meio-fundo Raúl Oliveira do Bloco B da ACD Leiria

– Pombos vencedores de anilhas de ouro em Geral Yearlings e Meio-fundo Yearlings no âmbito de zona

– Pombos vencedores de anilhas de ouro em Fundo, Geral Yearlings, Velocidade Yearlings e Meio-fundo Yearlings no âmbito de bloco

– Pombo vencedor de anilha de prata em Meio-fundo Yearlings no âmbito de zona

– Pombos vencedores de anilhas de prata em Velocidade, Fundo, Geral Yearlings, Velocidade Yearlings e Meio-fundo Yearlings no âmbito de bloco

– Pombos vencedores de anilhas de bronze em Velocidade, Fundo, Geral Yearlings e Velocidade Yearlings no âmbito de zona

– Pombos vencedores de anilhas de bronze em Geral Yearlings e Meio-fundo Yearlings no âmbito de bloco

Nos últimos 10 anos ganharam praticamente tudo nas colectividades e a nível de distrito têm sido bastante competitivos, principalmente na velocidade e meio Fundo, a saber na zona nos últimos 4 anos foram duas vezes campeões de Velocidade e uma vez 2º Classificados, enquanto no meio Fundo ficaram dois anos 2º Classificados na Zona Norte. No fundo ficam nos 5 primeiros de bloco e nos 10 primeiros de Zona, mas neste caso sentem que ainda têm de dar um passo suplementar, será o ponto mais fraco… nos Yearlings e Borrachos são muito fortes, quer como columbofilos quer nos melhores pombos.

A condução da colónia é feita desta forma. o pai é o tratador dos pombos, voam uma única vez ao dia, porque não gostam do voo da tarde…mas fazem duas refeições diárias. Com provas ao Domingo, os bandos voam 20 mn na segunda feira, 30 mn à terça feira, 40 mn à quarta feira, 50 mn à quinta feira e 60 mn à sexta…na pré época apenas voam uma vez e 60 mn diários. O filho passa as noites no pombal, a única altura do dia que tem tempo, sabe que não é o ideal andar no pombal a essa hora, mas é só quando pode… controla a saúde, os momentos de forma e trata cuidadosamente da reprodução, até porque a sua área de estudo é a Biologia. Dá muita importância ao equilíbrio do pombo, mas características como a cor do olho, tamanho de asa, abertura ou fecho da forquilha , tamanho corporal etc etc, não importam, o cesto é que é o barómetro… uma coisa é imprescindível: a saúde, pombos mal criados, ou menos saudáveis não entram na equipa.

São bastante meticulosas na planificação anual das vacinações, a saber… vacinam 3 vezes por época para a Paramixovirose todos os pombos, vacinam com vacina injectavel para a salmonelose, todos os pombos duas vezes ao ano com intervalo de 30 dias entre doses…tratamentos durante a campanha à salmonelose é zero… este plano de vacinas ajuda os pombos a combater a maioria dos vírus e bactérias.

Fazem planos de preventivos duas vezes ao ano, uma delas na pré campanha, numa altura de maior humidade e ainda longe da campanha, nesta altura os vírus e bactérias têm condições óptimas para proliferarem e sim nesta altura fazem os tratamentos, meados de Dezembro a 15 de Janeiro… só antibióticos portugueses. Depois fazem um novo tratamento antes de entrarem na criação, isto já no final de época.

Na campanha em relação aos treinos em linha procedem da seguinte forma: no fim de semana e quando as colectividades fazem treinos eles enviam sempre duas caixas. Durante a semana não há mais nada.

Na qualidade de dirigentes, são directores à muitos anos, quer o pai como o filho, sempre foram columbofilos e sempre, ou quase todos os anos dirigentes… o pai tem mais de 40 anos de dirigismo… mas a historia do dirigismo desta família… ficará para um artigo à posterior…

Caríssimos columbofilos, como pudemos vislumbrar estamos operante uma potencia da columbofilia do distrito de Leiria, para quem não conhecia, certamente ficará agora atento ás prestações desta equipa, que é sem sombra de duvidas bastante competitiva. Quanto a nós ficamos maravilhados com os pombos que pudemos apreciar, foi uma tarde fantástica… excelentes pombos e boa companhia. Por hoje despedimo-nos aguardando já por uma próxima.. porque não temos qualquer duvida que haverá muitos mais motivos de reportagem nesta casa. Até lá… deixamos um forte abraço… até breve…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: