Portugal Campeão do Mundo de Columbofilia 2018

Franz Steffl – theory of the eye (teoria do Olho)

Eye theory – all coincidence, or what? –


Have we in the past contributions more or less taken care of the “all around” of the pigeon play so I will try today the pigeon’s eye in word and picture to shed light.
We all know the view when inspecting a pigeon when the impression of the eye is included at the end of the test. Statements such as, the eye must be “expressive”, I like to see a “living” eye, the eye must “shine”, I do not pay attention to eyes or even that does not interest me can read in many shock reports. What is really to be seen in the pigeonhole?
Here we see the eye of the famous “84” of Franz-Wilhelm Gonschior. The “84” was the mainspring of Gonschior and was bred exclusively for breeding. This “84” runs for more than a decade through the lineages of absolute performance u. Astige, – not only on the beat Gonschior! – Even children and grandchildren are already part of the Stammtauben on many strokes.
r002 - 710 (0710-00-84)
Let us now deal with this color eye. We see the pupil in the middle of the eye. This pupil is enclosed by the Wertring, here in yellow color. In the Wertring itself, lines running parallel to the Wertring between 09:00 and 11:00 are visible. Between 07:00 o’clock and 09:00 o’clock you can see lines at a 90 ° angle to the Wertring. Parallels are often found on pigeons which are distinguished on the other flights (> 400km), the 90 ° lines are often the hallmark the “Sprinter” and 1st winner of the competition! After the Wertring we can look at the “84” a perfect iris here. Dick in the color, here orange red, one could think that nature has here umpteen times the colors on top of each other. With such a “thick” iris, the Wertring looks as if it had “crashed”. You seem to look into a crater! Please also note the “fissures” in the iris. That’s what she looks like, the perfect iris! You have to think in a mountain range. One perceives these fissures as fine black brushstrokes. The iris arches up from the Wertring to fall off to the outside again. – Fantastic -!
Let us now dedicate ourselves to the next Megevererber, the “Dromer” of Gerard Koopmann. Father of the “Dromer” is the world famous Freddy. The “Dromer” himself is the father, grandfather, and great grandfather of superpigeons, and is found in an unthinkable number of lineages of travel u. Breeding breeds again.
auge dromer
This eye, also a wonderful example of a “thick” iris. Note the “fissures” within the iris that are visible throughout the eye. The Wertring around the pupil seems to be the perfect support of the pupil. In the Wertring itself, the speed lines (the lines at 90 ° to the Wertring), pronounced between 3:00 and 7:00, can be seen as fine brushstrokes.

As a next example, I chose the Chè of Beat Eijerkamp. With the first bankruptcy NPO from Orleans this super bird set an exclamation mark. But if you look at the list of successful children, it is not without reason that they speak of a “jewel” in breeding success! – Shilp, Eros, Ramos, Carlos, Corinne, Nuria, Selma …… In the pedigree of the “Che” pigeons like “Chicago”, “Tornado”, “Porsche-Bond” and “” Lichte 05 “can be found again. Old van Loon – and Janssen Ardenonk – blood. Pure speed! Therefore, the “Chè” is referred to as No. 1 – Breeder on the Eijerkamp blows But see for yourself.

che
The glass eye of the “Chè” shows a special color intensity. As with the previous eyes, the closed Wertring can be seen without any interruption at “Chè”. The speed lines are wonderful to see here in the lower half of Wertringes. The iris rises strongly and is interspersed with many breeding grooves. Very nice visible is the “cloud” at 12:30 clock, a mark which one finds almost only in “Super Hererbern”. An eye of this quality can be paired with any partner’s eye color !! The intensity of the color in the iris incl. Complete Wertring makes the difference to other pigeons in almost all “super pigeons”! In the eyes of this quality, it is ultimately only a matter of time before again super pigeons are inherited.

Here in the picture you can see the eye of a bird which is the father of three ace pigeons in the regional association. He is also the father of a total of 14 children who flew 10 prizes and more in one season. Some of his children, birds and females have become tribal pigeons on various bats.

0xxxx-xx-xxxx_auge
But let’s take a closer look. Around the pupil lies here with this eye a strongly marked Wertring in the color gray. In the Wertring itself, the so-called speed lines are easily recognizable as longitudinal lines. The more grooves / lines and the more pronounced they are, the better it can be hoped for very good and fast progeny! The Wertring outward follows the iris. The color of the iris is intensely colored, here in red, whereby the color does not matter, the “thickness” of the color is crucial. Beautifully in the iris are the breeding grooves to see. They also appear here like black brushstrokes. Around the iris, the retaining ring sets, also called condition ring in colloquial language. The darker and stronger it is the better the pigeon seems to be suitable for breeding.

Now we have only four super sires in the picture. This list could be continued page by page. Even though a large part of the breeding community refuses to recognize the breeding value due to ignorance, the reality of a better one teaches us. In more than 90% of all cases of travel, one parent has one eye corresponding to the type of eye pictured. Some examples from the current time are mentioned and can be compared at any time by eye photos and confirmed. For example, The Eye of the “Golden Lady” by G. Koopman, the “Chippo” by B. Steveninck, by Eijerkamp e.g. “Abel”, Don Leo “,” Romèe “by A.u.B. Leidemann, “Mission Impossible” by G.u.S Verkerk, the “Boy” by Harm Vredeveld, the “Eurodiamond” by Brockamps, the “Olympiad 003”, “the Kannibaal, de Rambo”, etc etc !!!! Why were and are they grandiose sires? Is it maybe on the eye? It is not necessary in the breed then as a partner to match an equal “strong eye”, no, possibly it is not good at all, in most cases, the partner of a pair of aunts had an average eye. But here is the art of breeding!

One should not forget with all the good eyes to disregard the physical characteristics!
The eye signs, Wertring, speed lines, fissures, etc., are usually not or only insufficiently visible to the naked eye. This requires a magnifying glass and a corresponding light source. But you should not indulge in the illusion that after the inspection of a few eyes, you have the “know how” to see everything! But those who do not begin will never learn it. Again, “practice makes perfect”! But then you have to state that eyes of the quality of an “84”, “dromer”, “chè” etc. etc. are not found at all blows of the breedership! One thing, and I’m sure that breeders are slumbering in the beats of sports fans without ever being discovered. However, breeders who do not even bother to see eye-signs will ever find them. From the outset but to designate theories as “nonsense” is usually incumbent on those who are convinced only on the one hand or on the other hand can not admit the “third” simply see more and know. Then there are the “pigeon vendors” who can not use any theory at all, for the very reason that a sale fails because of a missing property.

To emphasize once again, breeding with the eye theory is certainly not the “guarantee certificate” to storm the podium, but it facilitates the way there. Likewise, there are many paths leading up to the podium and have been climbed by sports fans who have never before dealt with eye theory. However, these breeders have intuitively assembled the pigeons with the right eyes to the appropriate body. Then they made the selection over the basket and then mated the best again. Strangely, however, is that even the basket with these breeders left the pigeons with the good eyes and bodies! Finally, they now evaluate for themselves whether it is actually just “coincidence” if these exceptional sires also had and have exceptional views. Personally, I do not believe in coincidences anymore! It is, as seen and written, more than a juxtaposition of above-average eyes and eye structures which were the breeding ground for success in pedigree.

Franz Steffl

Teoria dos olhos – tudo coincidência?


Será que no passado contribuímos mais ou menos com o “todo” do jogo de pombos, por isso vou tentar hoje o olho de pombo em palavras e imagens para esclarecer.
Todos conhecemos a visão ao inspecionar um pombo quando a impressão do olho é incluída no final do teste. Afirmações como, o olho deve ser “expressivo”, gosto de ver um olho “vivo”, o olho deve “brilhar”, não presto atenção aos olhos ou mesmo que não me interesse pode ler em muitos relatos de choque. O que é realmente para ser visto no escaninho?
Aqui vemos o olho do famoso “84” de Franz-Wilhelm Gonschior. O “84” foi a mola principal de Gonschior e foi criado exclusivamente para reprodução. Este “84” é executado por mais de uma década através das linhagens de desempenho absoluto. Astige, – não só na batida Gonschior! – Até os filhos e netos já fazem parte do Stammtauben em muitos pombais.
r002 - 710 (0710-00-84)
Vamos agora lidar com esse olho colorido. Nós vemos a pupila no meio do olho. Esta pupila é cercada pelo Wertring, aqui na cor amarela. Na própria Wertring, linhas paralelas ao Wertring entre as 09:00 e as 11:00 estão visíveis. Entre as 07:00 e as 09:00 horas você pode ver linhas em um ângulo de 90 ° em relação ao Wertring.Parallels são freqüentemente encontrados em pombos que são distinguidos nos outros vôos (> 400km), as linhas de 90 ° são muitas vezes a marca registrada o “Sprinter” e 1º vencedor da competição! Depois do Wertring, podemos olhar para o “84” uma íris perfeita aqui. Dick na cor, aqui laranja vermelho, pode-se pensar que a natureza tem aqui muitas vezes as cores umas sobre as outras. Com uma íris tão “espessa”, o Wertring parece ter “colidido”. Você parece olhar para uma cratera! Por favor, observe também as “fissuras” na íris. É como ela é, a íris perfeita! Você tem que pensar em uma cadeia de montanhas. Percebemos essas fissuras como pinceladas pretas finas. A íris se ergue do Wertring para cair de novo para o lado de fora. – Fantástico -!
Vamos agora nos dedicar ao próximo Megevererber, o “Dromer” de Gerard Koopmann. Pai do “Dromer” é o mundialmente famoso Freddy. O “Dromer” é o pai, o avô e o bisavô dos super pombos, e é encontrado em um número inconcebível de linhagens de viagem. Reprodução gera novamente.
auge dromer
Este olho, também um maravilhoso exemplo de uma íris “grossa”. Observe as “fissuras” dentro da íris que são visíveis por todo o olho. O Wertring em volta do aluno parece ser o suporte perfeito do aluno. No próprio Wertring, as linhas de velocidade (as linhas a 90 ° para o Wertring), pronunciadas entre as 3:00 e as 7:00, podem ser vistas como pinceladas finas.

Como um próximo exemplo, escolhi o Chè de Beat Eijerkamp. Com o primeiro NPO da falência de Orleans, este super pássaro colocou um ponto de exclamação. Mas se você olhar para a lista de borrachos bem-sucedidas, não é sem motivo que elas falam de uma “jóia” no sucesso reprodutivo! – Shilp, Eros, Ramos, Carlos, Corinne, Nuria, Selma …… No pedigree do “Che” pombos como “Chicago”, “Tornado”, “Porsche-Bond” e “” Lichte 05 “pode ​​ser encontrado novamente. O velho van Loon – e o Janssen Ardenonk – sangue. Velocidade pura! Portanto, o “Chè” é referido como No. 1 – Criador sobre os golpes Eijerkamp Mas veja por si mesmo.

che
O olho de vidro do “Chè” mostra uma intensidade de cor especial. Como nos olhos anteriores, o Wertring fechado pode ser visto sem qualquer interrupção no “Chè”. As linhas de velocidade são maravilhosas para ver aqui na metade inferior de Wertringes. A íris aumenta fortemente e é intercalada com muitos sulcos de reprodução. Muito bom visível é a “nuvem” às 12:30 relógio, uma marca que se encontra quase só em “Super Hererbern”. Um olho desta qualidade pode ser emparelhado com a cor dos olhos de qualquer parceiro! A intensidade da cor na íris, incluindo o Wertring completo, faz a diferença para outros pombos em quase todos os “super pombos”! Aos olhos dessa qualidade, em última análise, é apenas uma questão de tempo antes que os super pombos sejam herdados.
Aqui na foto você pode ver o olho de um pássaro que é o pai de três pombos na associação regional. Ele também é pai de um total de 14 crianças que voaram 10 prêmios e mais em uma temporada. Alguns de seus filhos, machos e fêmeas se tornaram pombos craques.
0xxxx-xx-xxxx_auge
Mas vamos dar uma olhada mais de perto. Ao redor da pupila encontra-se aqui com este olho um Wertring fortemente marcado na cor cinza. Na própria Wertring, as chamadas linhas de velocidade são facilmente reconhecíveis como linhas longitudinais. Quanto mais grooves / linhas e mais pronunciados eles forem, melhor pode ser esperado por uma progênie muito boa e rápida! O Wertring exterior segue a íris. A cor da íris é intensamente colorida, aqui em vermelho, em que a cor não importa, a “espessura” da cor é crucial. Lindamente na íris são os sulcos de reprodução para ver. Eles também aparecem aqui como pinceladas pretas. Em torno da íris, o anel de retenção se ajusta, também chamado de anel de condição em linguagem coloquial. Quanto mais escuro e forte é melhor, o pombo parece adequado para reprodução.

Agora temos apenas quatro super-paises na foto. Esta lista pode ser continuada página por página. Embora grande parte da comunidade de criadores se recuse a reconhecer o valor da criação devido à ignorância, a realidade de um melhor nos ensina. Em mais de 90% de todos os casos de viagem, um dos pais tem um olho correspondente ao tipo de olho representado. Alguns exemplos da hora atual são mencionados e podem ser comparados a qualquer momento por fotos de olhos e confirmados. Por exemplo, O Olho da “Dama de Ouro” por G. Koopman, o “Chippo” de B. Steveninck, por Eijerkamp, ​​e. “Abel”, Don Leo “,” Romèe “por A.u.B. O homem que sofre, “Missão Impossível” de G.u.S Verkerk, o “Boy” Harm Vredeveld, etc “Euro Diamond” por Brockamps, os “Jogos Olímpicos de 003”, “o Kannibaal, de Rambo”, etc !!!! Por que eles eram e são touros grandiosos? É talvez no olho? Não é necessário na raça para raça, em seguida, como um parceiro igual valor “olho forte”, não talvez não é bom em tudo, na maioria dos casos, o parceiro de um Astaubenelternpaares tinha um olho média. Mas aqui está a arte de criar!

Não se deve esquecer com todos os bons olhos para desconsiderar as características físicas!

Os sinais oculares, Wertring, linhas de velocidade, fissuras, etc., geralmente não são ou são apenas insuficientemente visíveis a olho nu. Isso requer uma lupa e uma fonte de luz correspondente. Mas você não deve entrar na ilusão de que, após a inspeção de alguns olhos, você tem o “know how” para ver tudo! Mas aqueles que não começam nunca vão aprender. Mais uma vez, “a prática leva à perfeição”! Mas então você tem que afirmar que os olhos da qualidade de um “84”, “dromer”, “chè” etc etc não são encontrados em todos os golpes da criação! Uma coisa, e tenho certeza de que os criadores estão adormecidos nas batidas dos fãs de esportes sem serem descobertos. No entanto, os criadores que nem sequer se importam em ver os sinais oculares irão encontrá-los. Desde o início, mas para designar teorias como “disparate” é geralmente incumbência daqueles que estão convencidos apenas por um lado ou por outro lado não pode admitir o “terceiro” simplesmente ver mais e saber. Depois, há os “vendedores de pombos” que não podem usar nenhuma teoria, pela simples razão de que uma venda falha por causa de uma propriedade perdida.

Para enfatizar mais uma vez, a criação com a teoria dos olhos certamente não é o “certificado de garantia” para invadir o pódio, mas facilita o caminho até lá. Da mesma forma, há muitos caminhos que levaram ao pódio e foram escalados por fãs de esportes que nunca haviam lidado com a teoria dos olhos. No entanto, esses criadores reuniram intuitivamente os pombos com os olhos certos para o corpo apropriado. Então eles fizeram a seleção sobre a cesta e depois acasalaram de novo. Estranhamente, porém, é que até a cesta com esses criadores deixou os pombos com os bons olhos e corpos! Finalmente, eles agora avaliam por si mesmos se é realmente apenas “coincidência” se esses touros excepcionais também tivessem e tivessem visões excepcionais. Pessoalmente, não acredito mais em coincidências! É, como visto e escrito, mais do que uma justaposição de olhos e estruturas oculares acima da média que foram o terreno fértil para o sucesso na genealogia.

Franz Steffl

1 Comment on Franz Steffl – theory of the eye (teoria do Olho)

  1. I want to know it in detail please help me out sir

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: