Portugal Campeão do Mundo de Columbofilia 2018

A Columbofilia foi à escola…

Caros leitores a columbofilia foi à escola de duas formas diferentes mas que se complementam, e só acções de forma concertada resultarão em progressos efectivos. Em 2013 iniciou se um projecto de divulgação da columbofilia no meio escolar, no distrito de Setúbal, em Vila Nogueira de Azeitão. Esse projecto durou 3 anos, foram muitos dias dedicados à columbofilia, muito empenho dos docentes, auxiliares e em especial do professor Vítor costa. Este artigo conta aos nossos leitores de forma resumida o que constou esse projecto, mas também vem dar a conhecer a exposição levada a cabo na escola sede de Agrupamento de Azeitão, na qual aproveitando o final do ano escolar de 2017. Foi requisitada uma sala e nela foi exposto uma apresentação do que foi esse projecto que acabamos de descrever mas também foi mostrado à comunidade escolar, e pais de todas aquelas crianças que foram à festa final do agrupamento, a historia da columbofilia, desde os seus primeiros anos em Portugal, com fotos de pombais, textos com narrativas descritivas, mostras de relógios constatadores etc. De secção em secção pudemos apreciar a evolução da modalidade década a década ate chegar aos dias de hoje, nomeadamente com a apresentação das entradas electrónicas, super pombais actuais, revistas, jornais etc

IMG_2637

Enquadrado no plano anual de actividades do Agrupamento de Escolas de Azeitão, realizou se durante o triénio 2013\2015 o projecto: “A columbofilia na escola” com o apoio da direcção do agrupamento, dos docentes da E.B. 1 de Vila Nogueira de Azeitão e da Federação Portuguesa de Columbofilia. Liderado pelo professor Vítor Costa, na altura da implementação deste projecto exclusivamente columbófilo nas imediações da escola e hoje em dia, também ele Presidente da Associação Columbófila do Distrito de Setúbal. O público alvo desta iniciativa foram 130 crianças, 5 professores e 4 auxiliares de educação.

O intuito do Professor Vítor Costa foi levar a estas crianças o interesse pela modalidade, a transmissão de conhecimentos que ajudem no futuro estes miúdos a encararem com respeito e dignidade a modalidade e quem sabe deixar o bichinho dentro de alguém, que possa a vir a ser columbófilo no futuro.

IMG_2640

Foram abordados 4 grandes temas.

1º Apresentação do pombo correio e a sua funcionalidade.

Foi o 1º contacto com um pombo, a diferenciação deste ser vivo para com os demais, as suas características, aptidões para o voo e sua utilidade. Os alunos tomaram conhecimento que hoje em dia são utilizados com fins desportivos, mas que no passado tiveram muitas funções, nomeadamente a sua utilização nas comunicações durante a II Guerra Mundial , na qual vários foram condecorados pelos seus feitos. Para alem do manuseio do pombo foi abordado a forma como são cuidados pelos seus donos, com amor e carinho, o respeito e o tempo que lhes dedicam. Tiveram também contacto com alguns pormenores do seu treino e da preparação diária.

IMG_2638

2- Do acasalamento ao “desmame” dos borrachos.

Todo o ênfase foi dado ao desenvolvimento do borracho, desde o ovo, ao seu nascimento, os primeiros dias, o alilhamento, como são alimentados, o seu crescimento e desenvolvimento e quando devem ser separados dos pais.

IMG_2645

3- Da adução ao pombal à sua entrada em provas.

Foi oferecido o contacto com utensílios e ferramentas utilizadas pelos columbófilos, foi apresentado todo o enquadramento necessário para preparar um pombo para um concurso, meios de transporte dos clubes ao local da solta, abordada também o momento da solta e a respectiva comprovação no momento da chegada ao pombal.

IMG_2643

4- Momento da realização de uma solta.

Foi efectivada uma solta a 8 kms de um pombal da zona, os alunos puderam, tal como o corpo docente, assistir à chegada dos pombos ao pombal, momento de extasie e euforia para todos.

IMG_2648

Columboterapia, é um método terapêutico e educacional que utiliza o pombo correio numa abordagem interdisciplinar nas áreas da saúde, educação e columbofilia, procurando o desenvolvimento bio-psico-social de pessoas com deficiências e\ou com necessidades especiais.

IMG_2646

Para alem de material em papel , dispomos agora também do veiculo ou plataforma informativa: Columbofilia Online (CO)

IMG_2674

Lembram se deste livro? O autor teve o privilegio e os caros leitores desconhecem essa parte, mas o arranjo gramatical deste trabalho partiu precisamente aqui de onde temos agora a Sede do CO. Aqui foram feitas as ultimas correcções antes de ir tudo para a gráfica, trabalho em grande parte realizado pela prof. Maria Rosa Martins Galveia e seu filho Helder Galveia, numas férias de verão na praia da manta Rota, a pedido do Dr Tereso, amigo da familia, foram dados os toque finais.

IMG_2666

Muitos foram as crianças e adultos que visitaram ao longo do dia a exposição.

IMG_2659

Traçado de soltas para o distrito de Setúbal

IMG_2658

Já foi colocada a mensagem, agora uma anilha de borracha por cima e quase tudo pronto para a libertação, foi assim ao longo do dia…inúmeros alunos que visitavam a exposição , escreviam uma mensagem e enrolavam à pata do pombo e de imediato era solto …será que já leram as suas mensagens…? o dia seguinte trouxe as mensagens à escola…uma ideia muito interessante.

IMG_2660

Quantos anos terá esta anilhadeira??

IMG_2675

Apoio da Associação Columbófila do Distrito de Setúbal

IMG_2664

Momento da libertação de um pombo com uma mensagem na pata…

IMG_2678

Lá vai ele entregar a mensagem…

IMG_2671

Mesmos os adultos mostravam interesse pelas explicações de Vítor Costa

IMG_2656

Caros leitores quando fomos fazer este trabalho, encontrámos largas centenas, se não milhares de crianças. Todas as escolas do agrupamento estavam aqui, naquele recinto gozando o ultimo dia de escola e aproveitando a festa de fim de ano. Sempre um dia de festa, mas também dramático para alguns que vão partir de férias e estarão longe de amigos, em alguns casos foi a despedida para sempre. A sala onde estava a exposição foi visitada por muitos e muitos miúdos e graúdos e foi um sucesso para alem de bilheteira, foi um sucesso porque via se nas caras de todos que estavam a gostar e estavam interessados no que viam e ouviam,  por isso parabéns ao Vítor, parabéns à Associação Columbófila do Distrito de Setúbal e a todos quanto contribuíram para este sucesso. Via se na cara do Professor o contentamento, mas também o desgaste de um dia preenchido, acabamos por sair uns minutos tomar uma água fresca para carregar baterias e continuar o trabalho la dentro alguns minutos mais tarde. Um bem aja a quem trabalha na divulgação da modalidade.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

%d bloggers like this: